Evangelho centro da mensagem de Jesus

Meu querido leitor, vamos conhecer os primeiros livros do O NOVO TESTAMENTO que agrupa 27 livros, os quatro primeiro livros são chamados os evangelhos.

Evangelho é uma palavra da língua grega e significa BOA NOVA, BOA NOTÍCIA. O centro da mensagem de Jesus é o reino de Deus uma nova sociedade. Os evangelhos trazem aquilo que as diferentes comunidades guardaram e refletiram sobre Jesus Boa Novo do Pai e Boa Notícia da Salvação, sua pessoa, seus ensinamentos e suas atitudes. Assim temos quatro narrativas diferentes. Os especialistas concordam que os quatro Evangelhos foram escritos em grego e seus autores, talvez, tenham utilizado fontes aramaicas orais em escritas antigas que conservavam as palavras e os discursos reais de Jesus.

O principal propósito dos Evangelistas é demonstrar que Jesus de Nazaré é o Messias prometido e enviado por Deus a todo o povo de Israel a todos os homens e mulheres da terra. Também, levar a Boa Nova da Salvação a todos, mediante o Batismo, o arrependimento dos pecados e a conversão dos costumes. Todos os Evangelista tinha um propósito específico ao escrever seu Evangelho, cuja tradução significa "Boa Nova". Isso porque eram dirigidas às comunidades cristãs fundadas em diferentes lugares, conforme a conversão e a propagação do Cristianismo. Todos, porém, foram escritos em grego, língua universal na época.

Os três primeiros Evangelhos Mateus, Marcos e Lucas denominam-se sinóticos por apresentarem uma perspectiva similar da vida e pregação de Jesus. Narram quase os mesmos feitos, coincidindo, muitas vezes, na narrativa dos acontecimentos. Utilizam vocabulário idêntico, empregando as mesmas palavras. Já o estilo de João é diferente, seu evangelho é considerado por muitos como o livro mais profundo e mais espiritual da Bíblia. O primeiro evangelho de Mateus representado pela figura de um Homem, porque começou a escrever seu Evangelho dando a genealogia de Jesus. Mateus é um nome hebraico que significa "dom de Deus". Mateus era cobrador de impostos em Cafarnaum, por isso se intitulava "Mateus o publicano". Era também chamado Levi. Foi convidado pessoalmente por Jesus para ser discípulo. O Evangelho de Mateus é dirigido aos judeus convertidos e quer mostrar que Jesus de Nazaré é o herdeiro das promessas feitas por Deus a Davi. Portanto, Jesus é o Messias anunciado pelos profetas.

Entre os textos do NT o Evangelho de São Mateus é que tem mais influência na literatura cristã primitiva até aos finais do século II, tendo sido considerado como o "primeiro" Evangelho ou Evangelho "por excelência". Por isso, ocupa o primeiro lugar no Novo Testamento. O texto original em aramaico foi escrito pelos anos 55-60. Ficou pronto por volta dos anos de 85 e 90. Dirige-se principalmente aos judeus convertidos. Citando a AT tem o cuidado de mostrar como Jesus é o herdeiro das promessas feitas por Deus a David, o Messias prometido pelos profetas. O evangelho Mateus, em Jesus revela-se o amor fiel de Deus. Jesus é o "novo Moisés" que cumpre as promessas do Antigo Testamento.

O evangelho de Mateus é conhecido como o evangelho da Comunidade do Senhor Ressuscitado. Trata-se de um texto de catequese para as primeiras comunidades. Portanto o Evangelho de Mateus do dia a dia das comunidades espalhadas pelo norte da Galiléia e Síria entre os anos 80-90 d.C que brotou da experiência que os primeiros cristãos fizeram de Jesus vivo, morto e ressuscitado e entendido a luz do Antigo Testamento, diante de seus conflitos medos e esperanças. Essa experiência de Jesus feita pelas comunidades foi tão forte, que elas repetiam: Ele está no meio de nós! (1,23; 18,20 28,20).

Hoje estamos necessitando de fazermos esta experiência este caminho de aprofundamento da nossa Fé no Senhor que conduz a nossa historia. Ele esta presente em nosso meio. Será que o mundo de hoje em meio a tanta violência e destruição do ser humano nossa sociedade também podemos dizer "Ele está no meio de nós"? O autor deste Evangelho é um predicador que se encontrava frente a uma comunidade viva; conhecia quais eram as suas inquietudes, deficiências, meios culturais, como refletiam, e soube falar de Jesus numa linguagem que todos podiam captar. Meu caro leitor a comunidade cristã, lendo Mateus, é convidada a olhar para dentro de si mesma, a fim de descobrir a presença de Jesus, que ensina a prática da justiça. Desse modo, a comunidade aprenderá a dizer a palavra certa e a realizar a ação oportuna, no tempo e lugar em que está vivendo nos passos do próprio Jesus. Por isso vamos, pois conhecer a Jesus, mas profundamente! Leia a Bíblia e deixe ser iluminado pela palavra de Deus. 

 

Ir Francisca Romana da Costa
Missionária Serva do Espírito Santo

 

> Ver mais em Religião

 

Compartilhe

 

 

 

 

Flag Counter